22 de jun de 2017

TAG: No País das Maravilhas

Olá leitores! Vi essa tag no blog Duas Leitoras, é uma tag literária bem legal relacionada com os personagens do mundo de Alice no País das Maravilhas. 

A tag foi criada pelo blog Menino dos Livros!


via GIPHY

Alice: Um livro que te fez cair em um mundo completamente diferente

Fiquei tão envolvida com a história de Fallen, que enquanto eu lia eu tinha a sensação de realmente estar naquele mundo de anjos caídos.
Chapeleiro Maluco: Um livro com um protagonista louco
Difícil essa hein? Mas escolhi Doutor Sono porque o Dan além de "iluminado" ele é alcoólatra, ai já viu né? A mediunidade dele acaba saindo do controle e ele beira a loucura em alguns momentos da história.

Coelho Branco: Um livro que atrasou suas leituras
imagem: Diálogo Livre
Me desculpem os fãs, mas eu tentei, e tentei muito ler esse livro, mas não rolou, achei a história chata, enrolada, lenta... Acabei desistindo e atrasou minhas leituras de tanto tempo que eu perdi com ele.
Gato risonho: Um livro que te fez rir muito
imagem: Saraiva
Ainda estou lendo ele, e apesar de ter uma história não muito feliz, tem um personagem especifico que me faz rir muito, o Fermín. Logo tem resenha do livro aqui no blog ;)
Lagarta azul: um livro que fez você refletir
Esse livro tem tanto aprendizado, tantas lições de vida que é muito difícil alguém ler e não refletir sobre o assunto e mudar o pensamento perante alguns fatos da vida. 

Tweedledee e Tweedledum: dois livros que são parecidos

Bom, vou repetir o livro que citei acima, Missionários da Luz e vou juntá-lo com o livro Nosso Lar. Os dois são parecidos pelo conteúdo, mas na verdade Missionários da Luz é uma continuação de Nosso Lar.

Rainha de Copas: um livro cujo autor adora matar personagens

O Stephen King adora matar vários um personagem né? Até hoje todos os livros que li dele alguém morre hahahah

Bom, essas foram as minhas respostas, e as suas quais seriam? Comenta ai ou caso queria responder a tag, fique à vontade e depois me manda o link!  

21 de jun de 2017

Netflix: O Mínimo Para Viver

A Netflix divulgou hoje o trailer do filme O Mínimo Para Viver, que conta com a atuação de Lily Collins e Keanu Reeves, estreia dia 14 de Julho.

Confira o trailer:

18 de jun de 2017

Opinião: Caixa de Pássaros

Livro: Caixa de Pássaros
Editora: Intrínseca
Ano: 2014
Páginas: 272
Autor: Josh Malerman
Gênero: Suspense, Terror

Sinopse: Basta uma olhadela para desencadear um impulso violento e incontrolável que acabará em suicídio. Ninguém é imune e ninguém sabe o que provoca essa reação nas pessoas. Cinco anos depois do surto ter começado, restaram poucos sobreviventes, entre eles Malorie e dois filhos pequenos. Ela sonha em fugir para um local onde a família possa ficar em segurança, mas a viagem que tem pela frente é assustadora: uma decisão errada e eles morrerão. 

Opinião: Em Caixa de Pássaros, Malorie precisa lutar pela sua vida e das duas crianças, conhecidos inicialmente como "Garota" e "Menino", em um mundo onde os humanos não podem abrir os olhos porque podem enlouquecer ao ver o que eles chamam de "criaturas".

Esse foi o primeiro livro de Josh Malerman, o autor começou muito bem com um livro que prende o leitor até o final. O suspense não deixa a desejar em nenhum momento, e faz com que o leitor acompanhe a agonia dos personagens o tempo todo.

A narrativa é em terceira pessoa, o que eu particularmente acho ruim, pois você pode perder muitos dos pensamentos e sentimentos do protagonista, mas não foi o caso aqui. Os capítulos são bem curtos, o que facilita a leitura e deixa o leitor mais ansioso a cada capítulo que passa.

A única coisa que poderia ter sido mais explorada são as histórias dos personagens que dividem a casa com a Malorie. O autor conta muito rapidamente sobre cada um e não sentimos muito a presença de cada um deles no livro, um detalhe que poderia enriquecer a história.

O final do livro não é nada muito surpreendente, o autor optou por um final simples, que deixa que o leitor imagine da sua forma o fim, foi uma forma satisfatória de encerrar a história.

12 de jun de 2017

Dia dos Namorados - Blogagem Coletiva

Olá leitores!

Estou participando de uma blogagem coletiva do grupo Blogueiras Iniciantes, no Facebook. 

O tema é Dia dos Namorados, então decidi trazer os melhores casais do mundo dos seriados, que nós tanto amamos! 

Vamos conhecer os casais?

Octavia e Lincoln - The 100

Os dois são muito unidos, além do amor, existe uma amizade muito forte, um faz de tudo pelo outro.


Alex e Piper - Orange Is The New Black

A química que rola entre as duas é incrível! Um dos casais mais fofos do seriado.

imagem: Bustle
 Barry e Patty - The Flash

Eu sou da turma que prefere o Barry com a Patty do que com a Iris sim!!!! Os dois são perfeitos um para o outro, fora que não rola nenhuma química entre o Barry e a Iris.

imagem: Bustle
 Marshal e Lily - How I Met Your Mother

QUASE que eu esqueço do melhor casal de todos!!! Marshal e Lily são o casal mais "vida real", os dois brigam, enfrentam crises, mas sempre juntos.

imagem: Parada Temporal

Claire e Frank Underwood

E pra finalizar, o casal mais poderoso de todos os tempos! Os dois estão longe de ser um casal perfeito, mas o que eles conseguem conquistar quando se unem é incrível.

imagem: Slate

Gostaram dos casais que escolhi? Qual vocês acrescentariam à lista? Deixem suas sugestões nos comentários. 

11 de jun de 2017

Opinião: Mulher-Maravilha

imagem: AdoroCinema
Filme: Mulher-Maravilha
Ano: 2017
Gênero: Ação, Aventura, Fantasia
Duração: 2h21min
Elenco: Gal Gadot, Chris Pine, Connie Nielsen, Robin Wright, Danny Huston, David Thewlis, Elena Anaya, Lucy Davis, entre outros.
Direção: Patty Jenkins

Sinopse: Treinada desde cedo para ser uma guerreira imbatível, Diana Prince (Gal Gadot) nunca saiu da paradisíaca ilha em que é reconhecida como princesa das Amazonas. Quando o piloto Steve Trevor (Chris Pine) se acidenta e cai numa praia do local, ela descobre que uma guerra sem precedentes está se espalhando pelo mundo e decide deixar seu lar certa de que pode parar o conflito. Lutando para acabar com todas as lutas, Diana percebe o alcance de seus poderes e sua verdadeira missão na Terra. 

imagem: YouTube
Opinião: Não sou muito de acompanhar todos os filmes de super heróis que saem no cinema, até porque são muitos e haja dinheiro para acompanhar a indústria cinematográfica. Mas quando vi o trailer de Mulher-Maravilha sabia que esse eu precisava conferir e que seria bom. Valeu cada centavo gasto no ingresso, pipoca e refrigerante.

O filme mostra brevemente a história de Diana, mas não demora muito para começar a ação e aquelas cenas de lutas que todos viram nos trailers divulgados, ponto positivo pro filme, não tenho paciência quando enrolam muito na história.

A Mulher-Maravilha é uma heroína forte e decidida, e isso fica muito nítido no filme, mesmo com os humanos querendo fazer o mais difícil e enrolando o tempo todo, ela foi lá e fez o que tinha que ser feito.

Um detalhe que me deixou bem feliz é que quem interpreta Antíope, treinadora de Diana, é a Robin Wright, a Claire de House Of Cards. A Gal Gadot interpretou muito bem a Mulher-Maravilha, acertaram em cheio escolhendo ela para assumir o papel.

Não sei se é porque eu gosto muito da heroína e esperei muito pelo filme, ou porque ele é bom mesmo, mas não vi nenhum ponto negativo que atrapalhasse a história, espero que a mesma qualidade seja mantida em Liga da Justiça.

Confira o trailer:

9 de jun de 2017

Tag: Amores e Páginas

Olá leitores! Fui indicada pelo blog Amor Livresco para responder uma tag bem legal para o Dia Dos Namorados, vamos lá?

imagem oficial da tag

As regras da tag são as seguintes:

1. Mencionar e Linkar os blogueiros que criaram a tag Ingrid Kymberly- Bela Quimera e Hemyllly Ludymyla - Miss Psy

2. Indicar no mínimo 3 blogs para responder a tag (Não esqueça de avisar que você os tagueou);

3. Se caso sua opção sexual seja outra, pode trocar a vontade.

Regras estabelecidas, agora vamos as perguntas e respostas!

1. O bad boy ou A bad girl: Um livro que vai contra os seus gêneros favoritos.

imagem: Arquivo do blog
Dificilmente eu gosto de romances, acho todos tão clichês... Mas Como eu era Antes de Você me conquistou justamente por ser diferente de qualquer outro livro do gênero.

2. O Atencioso ou A atenciosa: Um livro que você não conseguiu para até terminar.

imagem: Arquivo do blog
Esse livro é super teen, li ele quando tinhas uns 12/13 anos, a história flui tão bem que as duas vezes que li, li tudo de uma vez só!

3. O Esportista ou A Esportista: Um livro que você leu em uma maratona ou tenha um atleta.

Essa eu vou ficar devendo, nunca li nada em uma maratona e nenhum livro que tenha um atleta #shameonme

4. O safadinho: Um livro que você tem vergonha de dizer que leu.

imagem: Arquivo do blog
Eu não tenho vergonha de dizer que li Fallen, aliás amo esse livro e ainda vou ler todos da série, mas sei que muita gente tem um certo preconceito com a história.

5. O tatuado: Um livro que te marcou de alguma forma.

imagem: Arquivo do blog
Esse livro é tão especial pra mim, tem tantas histórias, tantas lições de vida, eu recomendo ele pra todo mundo, sendo jornalista ou não.

6. O brincalhão: Um livro que fez você soltar diversas risadas.

imagem: Arquivo do blog
Acho que sempre que tiver essa questão em uma tag vou citar os Goonies, o livro é muito divertido!

7. O Geek: Um livro cheio de referências do mundo Geek.

imagem: Arquivo do blog
Doutor Sono, por ter uma personagem adolescente, faz referências a vários seriados, Game Of Thrones, Sons of Anarchy... Achei super divertido, vindo do Stephen King.

8. O Play Boy: Um livro que foi o mais caro de sua estante.

Não tenho certeza, mas acho que por se tratar de uma edição especial, Os Goonies foi o mais caro.

9. O Pobre: Um livro que comprou numa promoção.

imagem: Editora Arqueiro
Água Para Elefantes eu consegui em uma troca de livros, ou seja, não paguei nadinha!

10. O carinhoso: Um livro que você morre de amores.

imagem: Arquivo do blog
Eu amo esse livro! É um pouquinho assustador, mas sabe aquele livro que tu fica fascinada lendo? Então, é esse.

11. O Ciumento: Um livro que você não empresta para ninguém.

Posso citar todos? Não empresto meus livros para ninguém, nenhum deles!

Bom leitores, essa foi a tag, espero que tenham gostado! Para responder essa tag vou indicar os blogs Duas Leitoras, Leitoras Vorazes, e O que tem na Nossa Estante.

No dia 12 vai ter um post especial sobre o dia dos namorados, aguardem! 

4 de jun de 2017

Opinião: Sniper Americano

imagem: Cinecartaz
Filme: Sniper Americano
Gênero: Biografia, Guerra, Drama
Ano: 2015
Duração: 2h12min
Elenco: Bradley Cooper, Siena Miller, Luke Grimes, Jake McDorman, Cory Hardrict, Navid Negahban, Keir O'Donnell, Kyle Gallner, entre outros.
Direção: Clint Eastwood

Sinopse Adaptado do livro American Sniper: The Autobiography of the Most Lethal Sniper in U.S. Militar History, o filme conta a história real de Chris Kyle (Bradley Cooper), atirador de elite das forças especiais da marinha americana. Durante cerca de dez anos ele matou mais de 150 pessoas, tendo recebido diversas condecorações por sua atuação na Guerra do Iraque. 

Opinião: Sniper Americano apresenta a trajetória do soldado Chris Kyle na Guerra do Iraque e paralelo a isso, sua vida com a família, sua mulher, Taya, e futuramente seus dois filhos.

Foi nessa tentativa de mostrar os dois lados da vida do soldado que o filme se perdeu, os paralelos no início são bem confusos e quebram bastante o desenvolvimento do filme. 

Outro aspecto negativo é a duração, duas horas tornou o longa extenso, a história poderia ter sido resumida, e o diretor poderia ter se concentrado em alguns pontos mais importantes da história e explorá-los melhor. 

O tempo, a narrativa e essa certa superficialidade ao tratar de uma história tão delicada acaba afastando quem assiste o filme do soldado, não há aquela conexão com o personagem.

imagem: A Escotilha

Mas é claro que o filme tem pontos positivos que merecem ser destacados. A forma como eles finalizam o filme, sem mostrar de fato o que ocorreu com o Kyle, apenas com sua mulher observando ele sair de casa, e depois uma breve explicação com as cenas finais, foi sensível e nada apelativo.

O filme também retratou bem alguns dilemas que surgem durante a guerra, como matar ou não uma criança, invadir a casa de uma família, e ter que lidar com a morte de muitos inocentes.

Confira o trailer:

28 de mai de 2017

Opinião: Fragmentado

imagem: AdoroCinema
Filme: Fragmentado
Ano: 2017
Gênero: Suspense, Fantasia, Terror
Duração: 1h 57min
Elenco: James McAvoy, Anya Taylor-Joy, Betty Buckley, Haley Lu Richardson, Jessica Sula, Brad William Henke, Sebastian Arcelos, Neal Huff, entre outros.
Direção: M. Night Shyamalan

Sinopse: Kevin (James McAvoy) possui 23 personalidades distintas e consegue alterná-las quimicamente em seu organismo apenas com a força do pensamento. Um dia, ele sequestra três adolescentes que encontra em um estacionamento. Vivendo em cativeiro, elas passam a conhecer as diferentes facetas de Kevin e precisam encontrar algum meio de escapar. 

imagem: AdoroCinema

Opinião: Quando vi que o diretor de A Visitas e Sinais estava trabalhando em mais um suspense/terror, fiquei bem ansiosa para conferir o resultado, quando vi o trailer de Fragmentado esperava um filme tenso, bem trabalhado e que não saísse da cabeça tão cedo, infelizmente o que temos é uma história muito boa, mal trabalhada.

Kevin é um personagem que tem 23 personalidades diferentes, no filme só aparecem cinco delas, até ai tudo bem. O mínimo que deveria ser feito era trabalhar a apresentar bem essas personalidades, mas nem isso foi feito.

O suspense também não convence, não é o tipo de filme que te prende até o final. O que salva são as atuações, James McAvoy está ótimo no papel de Kevin, não deve ser fácil interpretar um personagem tão complexo, o ator deu conta do recado.

O final do filme dá a entender que haverá uma continuação, talvez na sequência do filme o personagem seja melhor trabalhado? Se houver um segundo filme, terá que ser muito bem trabalhado para salvar o primeiro, ou afundará de vez a história.

Confira o trailer: 

26 de mai de 2017

News: Netflix

A Netflix como sempre está com várias novidades!

Hoje no quadro News do blog trago duas novas séries originais, Ozark, que estreia dia 21 de Julho, e Castlevania, que estreia dia 7 do mesmo mês.

Confira os trailers:



Ozark é um suspense que envolve tráfico e família.



Castlevania é uma adaptação em série animada da famosa franquia de jogos.

23 de mai de 2017

Seu Jorge e Selton Mello se encontram em Soundtrack

Se você, assim como eu, admira o trabalho do ator Selton Mello e do cantor Seu Jorge, vai ficar feliz que os dois estão no filme Soundtrack, que estreia dia 6 de Julho!

Ambos estão lá para realizar pesquisas polares em diferentes áreas, e passarão por diversas situações delicadas em um ambiente extremo. 

A direção é de Manitou Felipe e Bernardo Dutra.

Confira o trailer:
 

21 de mai de 2017

Opinião: Corra!

imagem: Café com Filme
Filme: Corra!
Ano: 2017
Duração: 1h44min
Gênero: Suspense
Elenco: Daniel Kaluuya, Allison Williams, Catherine Keener, Bradley Whitford, Caleb Landry Jones, Lakeith Stanfield, Stephen Root, Lil Rel Howery, entre outros.
Direção: Jordan Peele
Sinopse: Chris (Daniel Kaluuya) é um jovem negro que está prestes a conhecer a família de sua namorada caucasiana Rose (Allison Williams). A princípio, ele acredita que o comportamento excessivamente amoroso por parte da família dela é uma tentativa de lidar com o relacionamento de Rose com um rapaz negro, mas, com o tempo, Chris percebe que a família esconde algo muito mais perturbador.

Opinião: Corra! tem um enredo muito original, não lembro de ter visto alguma história parecida em outro filme do gênero. Toda essa originalidade poderia se transformar em um filme tosco e sem sentido, mas não é o que acontece. 

O que temos é um filme simples, que não dá muitas voltas, mas que deixa quem o assiste tenso do início ao fim. O tempo de uma hora e 44 minutos foi muito bem aproveitado, não deixando nenhuma questão em aberto.

imagem: Sessão do Medo

No momento em que Chris chega na casa da família da namorada (Rose), você percebe que tem algo muito estranho, não só com a família, que age de maneira artificial e faz de tudo para agradar o rapaz, mas também com os empregados, que parecem hipnotizados.

Quem ajuda muito Chris é seu amigo, Rod, é ele quem desconfia de tudo desde o início. Mas o protagonista teve que ser muito esperto para entender o que estava acontecendo e escapar da família.

Quem quiser saber do que estou falando terá que assistir o filme, que eu recomendo para quem é fã de suspenses e claro, está preparado para uma história bem original.

Trailer:

20 de mai de 2017

Tag: Ed Sheeran Book Tag

Olá leitores!

Hoje vou responder uma tag que vi faz um tempinho no blog Lua Literária.

A tag é feita com o nome das músicas do Ed Sheeran, adorei a ideia!!




Take It Back: Um livro que você se arrepende de ter comprado

Gosto muito da série, mas o primeiro livro de Diários de um Vampiro (O Despertar), não me agradou, os personagens são completamente diferentes e... chatos!

imagem: Cinemateka

One: O primeiro livro que te marcou

O primeiro livro que me marcou foi um que eu li na minha pré-adolescência. Foi o livro Anjo da Morte, da coleção dos Karas, do Pedro Bandeira.

imagem: Estante Virtual
 
Kiss me: O livro que tem um personagem que você se apaixonou loucamente

Difícil essa, mas quando eu li Fallen, gostei muito do Cam, sou #TeamCam até hoje 😄

imagem: Cinemateka


The A Team: Um livro que faça parte do top 5 da sua vida

Não consigo escolher só um!! Vou levar pra minha vida toda a coleção dos Karas, essa coleção é ótima, um clássico, todo brasileiro deveria ler.

The City: Um livro que se passe em uma cidade que você ama
Apesar de não ter gostado da história, o cenário é lindo. Depois de Você se passa em Londres.

 
One night: Um livro que você virou a noite lendo
Olha, dificilmente eu vou virar uma noite lendo, mas Caixa de Pássaros é um livro que prende muito!


Let It Out: Um livro que quando concluiu a leitura, sentiu a necessidade de falar com alguém

Todos os livros que leio eu tenho que conversar com alguém sobre, mas um que me fez refletir muito foi Missionários da Luz.


You Break Me: Um livro que te deixou bem mal

Sem dúvidas Como eu era Antes de Você, apesar de ter uma história linda, em alguns momentos me deixava bem pra baixo.


Smile: Um livro que te deixou bem feliz

Os Goonies tem uma história super original e criativa, e os personagens principais são crianças, então já dá pra imaginar o quão divertida é a história né?


 I Can't Spell: Um livro ou autor que você não consegue pronunciar

Descobri a pouco tempo que sempre pronunciei a palavra "Elixir" errada, e achava que estava super correto a maneira que eu falava, se desse eu explicaria aqui, mas é impossível hahaha

imagem: Livros Virtuais

Espero que tenham gostado da tag! 

Ela é bem longa e deu um trabalhinho para fazer o post.

Não vou indicar ninguém, mas fiquem a vontade para responder, e caso respondam, deixem o link nos comentários!

15 de mai de 2017

Conheça a nova série original da Netflix, GLOW

A Netflix acabou de divulgar o trailer da sua nova série: GLOW

Com muito empoderamento, dilemas e uma história épica, a série estreia dia 23 de Junho.

Confira o trailer:

14 de mai de 2017

Opinião: Meu Nome é Rádio

imagem: Janela Singular
Filme: Meu Nome é Rádio
Ano: 2003
Duração: 1h49min
Gênero: Drama
Elenco: Cuba Gooding Jr., Ed Harris, Debra Winger, Alfre Woodard, Sarah Drew, S. Epatha Merkerson e Riley Smith
Direção: Michael Tollin

Sinopse: Anderson, Carolina do Sul, 1976, na escola secundária T. L. Hanna. Harold Jones (Ed Harris) é o treinador local de futebol americano, que fica tão envolvido em preparar o time que raramente passa algum tempo com sua filha, Mary Helen (Sarah Drew), ou sua esposa, Linda (Debra Winger). Jones conhece um jovem "lento", James Robert Kennedy (Cuba Gooding Jr.), mas Jones nem ninguém sabia o nome dele, pois ele não falava e só perambulava em volta do campo de treinamento. Jones se preocupa com o jovem quando alguns dos jogadores da equipe fazem uma "brincadeira" de péssimo gosto, que deixou James apavorado. Tentando compensar o que tinham feito com o jovem, Jones o coloca sob sua proteção, além de lhe dar uma ocupação. Como ainda não sabia o nome dele e pelo fato dele gostar de rádios, passou a se chamá-lo de Radio. Mas ninguém sabia que, pelo menos em parte, a razão da preocupação de Jones é que tentava não repetir uma omissão que cometera, quando era um garoto. 

Imagem: Cultura intratecal

Opinião: Inspirado em uma história real, o filme Meu Nome é Rádio nos mostra como muitas vezes, nos falta compreensão para lidarmos com pessoas como James. 

James é um jovem que tem um coração puro, como a mãe dele diz no filme, ele só quer poder participar de tudo o que acontece ao redor dele, mas a maioria das pessoas não o entende. E assim que o treinador Jones se propões a ajudar ele, sobra pessoas para julgar, e poucas o ajudam.

A interpretação de Cuba Gooding Jr. é impressionante. Não é um personagem simples de ser interpretado, vai muito além de apenas decorar algumas falas, ele soube dar vida ao James e nos passar toda a carisma do personagem.  

O drama tem uma carga emocional adequada, não se torna aqueles filmes em que é quase impossível não chorar, como Marley e Eu, mas ao mesmo tempo ele comove quem o assiste, trazendo uma reflexão importante.

Trailer: 

13 de mai de 2017

O medo transforma homens em monstros!

É com essa frase que chega nos cinemas, dia 22 de Junho, Ao Cair da Noite.

O filme promete ser daqueles terrores que grudam o telespectador na tela até o fim!

Confiram o trailer:
 

12 de mai de 2017

News: DarkSide Books

Olá leitores!

É com muita alegria que hoje trago uma novidade da minha editora favorita.

A DarkSide Books vai lançar a continuação d'O Exorcista: LEGIÃO.

O livro será lançado em Junho e ainda não tem uma data para a pré-venda, enquanto isso, vejam alguns detalhes sobre a obra.

imagem: DarkSide Books

LEGIÃO é a continuação do clássico O Exorcista. Alguns segredos da história de 1971 são  revelados nessa obra, então é aconselhável ao leitor ler O Exorcista primeiro.

"A história começa dez anos depois do exorcismo de Regan MacNeil, a jovem menina endiabrada que Linda Blair incorporou no cinema. Só que agora o sobrenatural ganha também uma pegada de romance policial." (DarkSide Books)

Eu adorei essa novidade! O Exorcista é um dos poucos livros/filmes de terror que me deixam realmente com medo.

E vocês, o que acharam?

9 de mai de 2017

Netflix divulga trailer da quinta temporada de OITNB

A Netflix divulgou hoje (9), o trailer oficial da quinta temporada da série Orange Is The New Black.

O trailer está carregado de tensão, essa temporada tem tudo para ser uma das mais pesadas da série.

Orange Is The New Black é uma produção original da Netflix, onde conta a história de Piper, Alex e de outras mulheres que estão presas na Penitenciaria Federal de Litchfield.

Confira o trailer:

7 de mai de 2017

Opinião: Quero Matar meu Chefe

imagem: My Pink Mess
Filme: Quero Matar meu Chefe
Ano: 2011
Duração: 1h40min
Gênero: Comédia
Nacionalidade: EUA
Elenco: Jennifer Aniston, Jason Bateman, Colin Farrell, Charlie Day, Jamie Foxx, Kevin Spacey, Jason Sudeikis, Julie Bowen, entre outros
Direção: Seth Gordon

Sinopse: Nick Hendricks (Jason Bateman), Kurt Buckman (Jason Sudeikis) e Dale Arbus (Charlie Day) são amigos que sofrem nas mãos de seus chefes, Dave Harken (Kevin Spacey), Bobby Pellitt (Colin Farrell) e Julia Harris (Jennifer Aniston), respectivamente. Juntos, eles resolvem pôr em ação um plano para eliminá-los.

imagem: iG

Opinião: Nick tem um chefe que ilude ele à respeito de uma promoção na empresa que ele nunca ganha, Dale é assistente de uma dentista que assedia ele, e Kurt tem um chefe viciado em cocaína que vai destruir a empresa que herdou do pai. 

Sair dos seus respectivos empregos não é uma opção, o que eles decidem fazer? Matar seus chefes. Mas para isso eles precisam da ajuda de um profissional, então contratam "Motherfucker" Jones.

Quero Matar meu chefe é uma comédia com uma narrativa bem acelerada, o que eu acho o certo para filmes do gênero. A duração de 1h e 40min é perfeita, você se mantém interessado na história o tempo todo.

O destaque do filme vai para Jennifer Aniston no papel da Dr. Julia Harris, a atriz superou todo o resto do elenco, foi uma da interpretações mais engraçadas que já vi dela.

Já falei aqui no blog que não sou muito fã de comédias, por conta dos exageros que existem nos filmes do gênero. Quero Matar meu Chefe infelizmente tem alguns exageros e apelações, mas nada que torne o filme ruim.

Trailer:

3 de mai de 2017

News: Netflix

Olá leitores! 

A Netflix está cheia de novidades esse ano, é um lançamento atrás do outro, haja tempo para conferir tudo!!! 

Hoje trago duas novidades, o documentário brasileiro Laerte-se, e a série Os Defensores.

Larte Coutinho, o famoso cartunista brasileiros, depois de quase 60 anos como homem, se apresenta como mulher. O documentário Laerte-se vai acompanhar as descobertas e novidades que Laerte encontra no mundo feminino.



Jessica Jones, Demolidos, Punhos de Ferro e Luke Cage, os quatro heróis da Marvel irão lutar juntos em Os Defensores, uma série original da Netflix.

30 de abr de 2017

Opinião: Divinas

imagem: ArteCines
Filme: Divinas
Ano: 2016
Duração: 1h45min
Gênero: Drama
Direção: Houda Benyamina
Elenco: Oulaya Amamra, Kevin Mischel, Déborah Lukumuena e Majdouline Idrissi

Sinopse: Em um gueto, uma comunidade verdadeiramente carente, o tráfico local se confunde com a religião. Dounia, uma jovem que mora na comunidade, decide tentar vencer na vida, seguindo os padrões do lugar onde mora: ou seja, ela pretende se tornar uma traficante tão reconhecida e poderosa quanto Rebecca. Para isso, ela terá a ajuda de Maimouna, sua melhor amiga. No entanto, a verdade é que Dounia não sabe onde está se metendo.

imagem: Filmes Franceses

Opinião: Divinas é um filme francês, original da Netflix, que retrata uma realidade até então desconhecida no país. O filme mostra o cotidiano de duas jovens que moram em uma região muito pobre da França. Dounia e Maimouna percebem que Rebecca, uma traficante, tem uma vida confortável e melhor do que qualquer morador honesto do bairro. Logo as duas se interessam pelo dinheiro fácil, e começam a trabalhar com Rebecca.

Obviamente no início é tudo muito fácil, as duas conseguem um bom dinheiro com o tráfico, Dounia consegue ajudar a mãe com as despesas da casa e ainda sobra dinheiro para comprar tudo o que elas sempre desejaram. Até que Rebecca dá um missão para Dounia, seduzir um fornecedor de drogas e roubar 100 mil Euros que a traficante sabe que ele guarda em seu apartamento.

Junto de todo esse enredo, existe um personagem paralelo, o dançarino e ator Djigui, ele e Dounia se conhecem e acabam de apaixonando, ele é o tempo todo a alternativa que ela tem de fugir daquela realidade ali. Até que Djigui convida Dounia para ver sua apresentação no Sábado à noite, o problema é que é a mesma noite em que Dounia tem que ir no apartamento do fornecedor para roubar o dinheiro.

Dounia, o tempo todo influenciado por Rebecca, vai até o apartamento e consegue o dinheiro, a partir dos acontecimentos que ocorrem depois, ela percebe em que meio ela se envolveu.

imagem: Filmes Franceses

O foco do filme fica muito mais em Dounia, que sempre foi quem nunca se conformou com a realidade que vivia, Maimouna acaba apoiando a amiga e se envolve junto.  

É óbvio que foram as duas que escolherem esse caminho, mas o filme ajuda a entender muito melhor o que jovens que moram em regiões precárias, sem perspectiva de vida, pensam e o porque se envolvem com o tráfico. O dinheiro fácil e o luxo encantam. 

O filme se passa na França, mas poderia facilmente se adaptado para uma realidade muito presente no Brasil. O que mais me agradou no filme foi a preocupação em mostrar o que realmente acontece com o jovens que se envolvem nesse meio, eles se divertem muito no início, mas sempre que der alguma coisa errada, quem vai pagar pelo erro são eles, tanto que a traficante, Rebecca, passa o filme inteiro ilesa.

Um ótimo filme para refletirmos sobre o assunto e encararmos essa situação com mais empatia e compreensão e menos preconceito, o clima do filme é bem pesado, impactando muito quem o assiste. 

Confira o trailer.

29 de abr de 2017

News: Livros em Pré-Venda

No quadro News de hoje trago dois livros que a Editora Novo Conceito disponibilizou para pré-venda.

Os livros estão disponíveis na Saraiva, o lançamento será no mês de Maio.

Imagem: Juliana Ariza

A família de Taylor Edwards não é muito próxima – todos estão ocupados demais com seus afazeres –, mas, quase sempre, eles se dão muito bem. Quando o pai de Taylor recebe más notícias sobre a saúde dele, a família decide passar, todos juntos, o verão na casa do lago Phoenix. Fazia cinco anos que eles não passavam o verão naquele lugar, que agora parece bem menor do que antes. E, apesar da tristeza, os momentos em família os aproximam novamente. Além disso, Taylor descobre que as pessoas que ela pensou ter deixado para trás, continuam ali: sua ex-melhor amiga e seu primeiro amor (que está muito mais bonito do que antes). Com o passar do verão, e com os laços quase refeitos, Taylor e sua família tornam-se cada vez mais conscientes de que estão correndo contra o tempo diante da doença de seu pai. Mas, apesar de tudo, o aprendizado que fica é que sempre é possível ter uma segunda chance. 

Imagem: Saraiva

A vida de Heidi com o filho tornou-se um jogo para manter viva a memória de Henry, bom pai e marido exemplar. Manter uma vida normal em um mundo em que Henry não existe mais está cada dia mais difícil. Heidi precisa lidar com o filho que se tornou um verdadeiro maníaco por limpeza e com a sobrinha Charlotte, uma adolescente problemática. Uma casa em “Provence”, na França, que pertence à família de Heidi há gerações, é rica em histórias de amor e surpreendentes coincidências. Heidi e sua irmã mais velha, Elysius, passavam os verões lá quando crianças, junto com a mãe. A casa, as lembranças e os segredos de Provence haviam ficado para trás, mas agora, com o incêndio que atingiu a propriedade, a casa precisa ser salva por Heidi. Ou será que é Heidi quem precisa ser salva pela casa? Uma história de recomeço, amor e esperança perante a perda, em que uma pequena casa na zona rural do sul da França parece ser a responsável por curar corações partidos há anos.

28 de abr de 2017

Corra! 18 de Maio nos Cinemas

No dia 18 do mês de Maio teremos um filme com um enredo bem original estreando nos cinemas.

Corra! é um filme que envolve suspense, racismo e uma pitada de terror na história, confira o trailer e veja o que acha.

26 de abr de 2017

Pré-Venda: As Garotas de Corona Del Mar

A editora Novo Conceito disponibilizou para pré-venda o livro As Garotas de Corona Del Mar, da autora Rufi Thorpe. 

Você pode garantir seu exemplar na Saraiva, o lançamento está previsto para o dia 8 de Maio. 

Imagem: Livroterapia
Sinopse: Amizade entre garotas pode ser intensa e, no caso de Mia e Lorrie Ann, não há dúvidas de que isso é verdade. À medida que crescem, a vida de Mia e Lorrie Ann são preenchidas com praia, diversão e passeios ao shopping. Por outro lado, como toda amizade, há conflitos e dores. Mia e Lorrie Ann convivem há muito tempo e possuem personalidades opostas. Mia é a bad girl, vivendo em uma família problemática. Lorrie Ann é linda e amável, quase angelical, e tem uma família que parece ter sido arrancada de um conto de fadas. Mas, quando uma tragédia acontece a vida perfeita sai fora de controle.