30 de abr de 2017

Opinião: Divinas

imagem: ArteCines
Filme: Divinas
Ano: 2016
Duração: 1h45min
Gênero: Drama
Direção: Houda Benyamina
Elenco: Oulaya Amamra, Kevin Mischel, Déborah Lukumuena e Majdouline Idrissi

Sinopse: Em um gueto, uma comunidade verdadeiramente carente, o tráfico local se confunde com a religião. Dounia, uma jovem que mora na comunidade, decide tentar vencer na vida, seguindo os padrões do lugar onde mora: ou seja, ela pretende se tornar uma traficante tão reconhecida e poderosa quanto Rebecca. Para isso, ela terá a ajuda de Maimouna, sua melhor amiga. No entanto, a verdade é que Dounia não sabe onde está se metendo.

imagem: Filmes Franceses

Opinião: Divinas é um filme francês, original da Netflix, que retrata uma realidade até então desconhecida no país. O filme mostra o cotidiano de duas jovens que moram em uma região muito pobre da França. Dounia e Maimouna percebem que Rebecca, uma traficante, tem uma vida confortável e melhor do que qualquer morador honesto do bairro. Logo as duas se interessam pelo dinheiro fácil, e começam a trabalhar com Rebecca.

Obviamente no início é tudo muito fácil, as duas conseguem um bom dinheiro com o tráfico, Dounia consegue ajudar a mãe com as despesas da casa e ainda sobra dinheiro para comprar tudo o que elas sempre desejaram. Até que Rebecca dá um missão para Dounia, seduzir um fornecedor de drogas e roubar 100 mil Euros que a traficante sabe que ele guarda em seu apartamento.

Junto de todo esse enredo, existe um personagem paralelo, o dançarino e ator Djigui, ele e Dounia se conhecem e acabam de apaixonando, ele é o tempo todo a alternativa que ela tem de fugir daquela realidade ali. Até que Djigui convida Dounia para ver sua apresentação no Sábado à noite, o problema é que é a mesma noite em que Dounia tem que ir no apartamento do fornecedor para roubar o dinheiro.

Dounia, o tempo todo influenciado por Rebecca, vai até o apartamento e consegue o dinheiro, a partir dos acontecimentos que ocorrem depois, ela percebe em que meio ela se envolveu.

imagem: Filmes Franceses

O foco do filme fica muito mais em Dounia, que sempre foi quem nunca se conformou com a realidade que vivia, Maimouna acaba apoiando a amiga e se envolve junto.  

É óbvio que foram as duas que escolherem esse caminho, mas o filme ajuda a entender muito melhor o que jovens que moram em regiões precárias, sem perspectiva de vida, pensam e o porque se envolvem com o tráfico. O dinheiro fácil e o luxo encantam. 

O filme se passa na França, mas poderia facilmente se adaptado para uma realidade muito presente no Brasil. O que mais me agradou no filme foi a preocupação em mostrar o que realmente acontece com o jovens que se envolvem nesse meio, eles se divertem muito no início, mas sempre que der alguma coisa errada, quem vai pagar pelo erro são eles, tanto que a traficante, Rebecca, passa o filme inteiro ilesa.

Um ótimo filme para refletirmos sobre o assunto e encararmos essa situação com mais empatia e compreensão e menos preconceito, o clima do filme é bem pesado, impactando muito quem o assiste. 

Confira o trailer.

29 de abr de 2017

News: Livros em Pré-Venda

No quadro News de hoje trago dois livros que a Editora Novo Conceito disponibilizou para pré-venda.

Os livros estão disponíveis na Saraiva, o lançamento será no mês de Maio.

Imagem: Juliana Ariza

A família de Taylor Edwards não é muito próxima – todos estão ocupados demais com seus afazeres –, mas, quase sempre, eles se dão muito bem. Quando o pai de Taylor recebe más notícias sobre a saúde dele, a família decide passar, todos juntos, o verão na casa do lago Phoenix. Fazia cinco anos que eles não passavam o verão naquele lugar, que agora parece bem menor do que antes. E, apesar da tristeza, os momentos em família os aproximam novamente. Além disso, Taylor descobre que as pessoas que ela pensou ter deixado para trás, continuam ali: sua ex-melhor amiga e seu primeiro amor (que está muito mais bonito do que antes). Com o passar do verão, e com os laços quase refeitos, Taylor e sua família tornam-se cada vez mais conscientes de que estão correndo contra o tempo diante da doença de seu pai. Mas, apesar de tudo, o aprendizado que fica é que sempre é possível ter uma segunda chance. 

Imagem: Saraiva

A vida de Heidi com o filho tornou-se um jogo para manter viva a memória de Henry, bom pai e marido exemplar. Manter uma vida normal em um mundo em que Henry não existe mais está cada dia mais difícil. Heidi precisa lidar com o filho que se tornou um verdadeiro maníaco por limpeza e com a sobrinha Charlotte, uma adolescente problemática. Uma casa em “Provence”, na França, que pertence à família de Heidi há gerações, é rica em histórias de amor e surpreendentes coincidências. Heidi e sua irmã mais velha, Elysius, passavam os verões lá quando crianças, junto com a mãe. A casa, as lembranças e os segredos de Provence haviam ficado para trás, mas agora, com o incêndio que atingiu a propriedade, a casa precisa ser salva por Heidi. Ou será que é Heidi quem precisa ser salva pela casa? Uma história de recomeço, amor e esperança perante a perda, em que uma pequena casa na zona rural do sul da França parece ser a responsável por curar corações partidos há anos.

28 de abr de 2017

Corra! 18 de Maio nos Cinemas

No dia 18 do mês de Maio teremos um filme com um enredo bem original estreando nos cinemas.

Corra! é um filme que envolve suspense, racismo e uma pitada de terror na história, confira o trailer e veja o que acha.

26 de abr de 2017

Pré-Venda: As Garotas de Corona Del Mar

A editora Novo Conceito disponibilizou para pré-venda o livro As Garotas de Corona Del Mar, da autora Rufi Thorpe. 

Você pode garantir seu exemplar na Saraiva, o lançamento está previsto para o dia 8 de Maio. 

Imagem: Livroterapia
Sinopse: Amizade entre garotas pode ser intensa e, no caso de Mia e Lorrie Ann, não há dúvidas de que isso é verdade. À medida que crescem, a vida de Mia e Lorrie Ann são preenchidas com praia, diversão e passeios ao shopping. Por outro lado, como toda amizade, há conflitos e dores. Mia e Lorrie Ann convivem há muito tempo e possuem personalidades opostas. Mia é a bad girl, vivendo em uma família problemática. Lorrie Ann é linda e amável, quase angelical, e tem uma família que parece ter sido arrancada de um conto de fadas. Mas, quando uma tragédia acontece a vida perfeita sai fora de controle.

23 de abr de 2017

Opinião: Garota Interrompida

imagem: AdoroCinema
Filme: Garota Interrompida
Ano: 2000
Duração: 2h07min
Gênero: Drama, Biografia
Elenco: Wiona Ryder, Elizabeth Moss, Angelina Jolie, Clea DuVall, Brittany Murphy, Jeffrey Tambor, Vanessa Redgrave, Whoopi Goldberg, entre outros.
Direção: James Mangold

Sinopse: Em 1967, após uma sessão com um psicanalista que nunca havia visto antes, Susanna Kaysen (Winona Ryder) foi diagnosticada como vítima de "Ordem Incerta de Personalidade" - uma aflição com sintomas tão ambíguos que qualquer garota adolescente pode ser enquadrada. Enviada para um hospital psiquiátrico, ela conhece um novo mundo, repleto de jovens garotas sedutoras e transtornadas. Entre elas está Lisa (Angelina Jolie), uma charmosa sociopata que organiza uma fuga.

imagem: Obvius

Opinião: Garota Interrompida mostra a história de Susanna, uma garota que, como muitas, precisa enfrentar alguns problemas psicológicos. Diferente da maioria, Susanna é internada em um hospital psiquiátrico. Lá ela conhece Georgina, sua colega de quarto, uma mentirosa compulsiva, Polly, que colocou fogo no próprio rosto quando era criança, e Lisa, que está no hospital há 8 anos, e se diz completamente normal.

Susanna logo se aproxima de Lisa, e as duas criam um vínculo de amizade muito forte, o problema é que Lisa não é como Susanna à vê, e a enfermeira Valerie tenta alertá-la, mas ela não escuta. 

Entre diversos confrontos, o foco principal do filme é mostrar como Susanna enfrenta aquele período no hospital. Ela precisa ficar lá durante um ano e se recuperar. Mas ela começa a se questionar sobre os métodos de tratamento, até que ponto as conversas com os médicos são realmente eficazes e levadas a sério.

O filme, apesar de tratar de um tema muito delicado, consegue mostra tudo de uma forma sutil, mas que não deixa de ser chocante e reflexivo.

Confira o Trailer:
 

20 de abr de 2017

O Estranho que Nós Amamos

Dia 24 de Agosto estreia nos cinemas, o filme O Estranho que Nós Amamos.

Com Nicole Kidman e Elle Fanning, o remake do filme de 1971 conta a história de um soldado que é ferido e é recebido em um internato feminino, onde chama atenção das mulheres e se envolve com elas.

Confira o trailer:

18 de abr de 2017

EDITORA JANGADA ANUNCIA PRÉ-VENDA DA BIOGRAFIA DE CAETANO VELOSO

Ontem, em sua página no Facebook, a Editora Jangada anunciou a pré-venda da biografia do cantor Caetano Veloso.

Você já pode garantir seu exemplar nas livrarias Amazon, Cultura, Curitiba, Disal, Livraria da Folha, Martins Fontes, Saraiva e Travessa. Ufa! Opção para comparar os preços é o que não falta.
A publicação do livro está prevista para o dia 2 do mês de Maio.

imagem: Livraria da Travessa
Sinopse: Caetano Veloso dispensa apresentações, porém sua história e suas facetas ainda foram pouco exploradas. Existem livros que que abordam quase que exclusivamente a sua fase Tropicalista, porém, os longos trechos ainda desconhecidos de sua história não podem permanecer sem registro. Por isso, torna-se necessário contar sua trajetória de vida de modo amplo e irrestrito, com o respeito e a isenção que o artista merece. Este livro é resultado de uma pesquisa de vinte anos dos autores, e conta a história completa do carismático músico brasileiro, passando por todas as suas fases com igual peso, permitindo ao grande público entender e conhecer um pouco mais sobre Caetano Veloso.

16 de abr de 2017

OPINIÃO - DEPOIS DE VOCÊ

Livro: Depois de Você
Autora: Jojo Moyes
Editora: Intrínseca
Ano: 2016
Páginas: 320
Capítulos: 30

Sinopse: Em Depois de você, Lou ainda não superou a perda de Will. Morando em um flat em Londres, ela trabalha como garçonete em um pub no aeroporto. Certo dia, após beber muito, Lou cai do terraço. O terrível acidente a obriga voltar para a casa de sua família, mas também a permite conhecer Sam Fielding, um paramédico cujo trabalho é lidar com a vida e a morte, a única pessoa que parece capaz de compreendê-la. Ao se recuperar, Lou sabe que precisa dar uma guinada na própria história e acaba entrando para um grupo de terapia de luto. Os membros compartilham sabedoria, risadas, frustrações e biscoitos horrorosos, além de a incentivarem a investir em Sam. Tudo parece começar a se encaixar, quando alguém do passado de Will surge e atrapalha os planos de Lou, levando-a a um futuro totalmente diferente. 

Resenha de Como eu era Antes de Você.

Opinião: Com base no final de Como eu era Antes de Você, em Depois de Você eu esperava encontrar uma Lou independente, com a mente aberta, vivendo, fazendo o que Will sempre pedia. Mas não encontramos nada disso no livro.

Na própria sinopse já sabemos que Lou não superou a morte de Will, está morando em Londres e trabalhando em  um bar. Entendemos que superar a morte de alguém não é nada fácil, pode levar muito tempo mesmo. O problema é que Louisa continua sendo aquela menina insegura do primeiro livro, com medo da vida.

E quando aparece o personagem relacionado à Will, ela começa a dedicar toda a sua vida para essa pessoa, até que rola a primeira decepção. Ela pensa muito na vida que está levando durante o livro todo, o que acaba se tornando repetitivo e chato, porque ela só pensa e não age.

Quem também aparece em Depois de Você é Nathan, que está morando em Nova York, trabalhando como enfermeiro para uma família aparentemente muito rica. Ele tem um papel significativo na história.

Após o acidente que Lou sofre, ela conhece Sam e os dois começam um relacionamento. Sam é um personagem legal, ele teve toda a paciência necessária para ficar junto com Louisa e ajudá-la a enfrentar os seu medos.

O primeiro livro é tão lindo, que quando termina você fica com aquele vontade de "quero mais", mas sinceramente, seria melhor ter deixado os fãs na vontade. 

Depois de Você tem uma história vazia e com alguns acontecimentos que tentam dar uma certa emoção ao livro mas são extremamente desnecessários. Foi um livro que li quase sem envolvimento nenhum, a história não prende, e nem parece uma continuação. Talvez tivesse sido melhor Jojo Moyes deixar a continuação da vida de Louisa Clarck na imaginação dos fãs.

15 de abr de 2017

TAG DIA E NOITE

Olá leitores(as)! Vi essa tag no blog Duas Leitoras e resolvi responder.

A tag consiste em responder algumas perguntas que formem a as palavras Dia e Noite.


D - Durante o dia ou à noite? Prefiro ler durante o dia, à noite sinto muito sono e não consigo me concentrar.

I - Indique um livro que mudou seu ponto de vista sobre algo: Como eu era Antes de Você, me ajudou muito a ver o suicídio assistido de outra forma, sem julgar as pessoas que optam por esse caminho.

A - Alguma vez você já derramou algum líquido em um livro? Já derramei água em vários livros, sou muito descuidada em relação à isso.

E - Existem pessoas que não gostam de ler. Isso é positivo ou negativo? Extremamente negativo, a leitura ajuda muito em vários aspectos, sua interpretação melhora, você ocupa a mente com algo útil, você melhora seu vocabulário... É tanta coisa! Não tem motivos para você não ler.
 
N - Ninguém encosta no meu livro X Empresto sem nenhum problema: Depende muito, eu empresto meus livros para quem eu sei que vai devolver, no caso minha mãe e meu namorado hahaha. 
 
O - Oficialmente autografado! Mostre a sua cópia: Vou ficar devendo essa :( O único livro autografado que eu tinha troquei em uma feira de livros da faculdade.
 
I - Ilustração ou não? É legal, dá um toque interessante no livro, mas não acho extremamente necessário. 
 
T - Tenho muitos livros! Verdadeiro ou falso? Verdadeiro! É tanto livro que eu nem compro mais até ler todos os que eu tenho.
 
E - Escolha seu maior livro favorito, que tenha sido uma barganha: Bom, teve essa feira de livros na faculdade que você levava um livro e trocava por outro, consegui lá Água Para Elefantes, ainda não li, mas amei o filme é quero logo ler o livro!
 
Não vou indicar ninguém especifico para essa tag, mas respondam! E deixem o link aqui para eu dar uma olhada ;) 

13 de abr de 2017

DEAR WHITE PEOPLE EM BREVE NA NETFLIX

No dia 28 de Abril, chega na Netflix mais uma das suas produções originais, Dear White People, em português, Cara Gente Branca.

A série fala sobre racismo, e já gerou bastante polêmica, quando teve seu primeiro teaser divulgado, diversos usuários da Netflix pediram um boicote ao serviço de streaming, por supostamente fazer racismo com gente branca. 

Polêmicas a parte, a série promete ser bem divertida e com humor bem ácido, além de nos conscientizar ainda mais sobre a questão do racismo, confiram o trailer e vejam o que acham.

11 de abr de 2017

CONFIRA O TRAILER DE "EM RITMO DE FUGA"

Tem filme bom vindo por ai! Em Ritmo de Fuga, é uma ação envolvente, que conta com um ótimo elenco, incluindo Kevin Spacey (House Of Cards) e Ansel Ergot (A Culpa é das Estrelas).

A data de estreia do filme ainda não foi divulgada, tudo que sabemos é que estará em breve nos cinemas, enquanto isso, dá uma conferida no trailer 😉
 

10 de abr de 2017

DIVULGADO O TRAILER DA SEGUNDA TEMPORADA DE SENSE8

Sense8 é uma série original da Netflix, que teve o trailer da segunda temporada divulgado hoje!

A data de estréia esta marcada para o dia 5 de Maio, confira o trailer.


SAIU! CONFIRA O PRIMEIRO TRAILER DE THOR: RAGNAROCK

Para a felicidade dos fãs dos heróis da Marvel, foi divulgado o trailer do filme Thor: Ragnarock.

O filme estreia dia 02 de Novembro, confira o trailer.

9 de abr de 2017

OPINIÃO - À ESPERA DE UM MILAGRE

imagem: Fatos Desconhecidos
Filme: À Espera de um Milagre
Ano: 2000
Duração: 3h09min
Gênero: Fantasia, Policial
Elenco: Tom Hanks, Michael Clarke Duncan, David Morse, Bonnie Hunt, Gary Sinise, James Cromwell, Michael Jeter, Sam Rockweel, entre outros
Direção: Frank Darabont

Sinopse: 1935, no corredor da morte de uma prisão sulista. Paul Edgecomb (Tom Hanks) é o chefe de guarda da prisão, que tem John Coffey (Michael Clarke Duncan) como um de seus prisioneiros. Aos poucos, desenvolve-se entre eles uma relação incomum, baseada na descoberta de que o prisioneiro possui um dom mágico que é, ao mesmo tempo, misterioso e milagroso.

Opinião: À Espera de um Milagre é uma história fictícia, mas contém alguns temas que podem muito bem ser debatidos na nossa sociedade, principalmente a questão da pena de morte. Primeiro vou falar do filme e depois volto à essa questão. 

O filme tem um clima pesado e triste do início ao fim. Mesmo com os pequenos momentos de alegria dos prisioneiros, e com os milagres feitos por John Coffey, a situação ali não é nada fácil. E ainda a ala E, cenário onde se passa a maior parte da história, conta com um policial que não tem o mínimo de empatia nem com os prisioneiros, nem com os colegas de trabalho. Percy Wetmore é tão desagradável que torna a situação pior do que já é, e ainda ameaça os outros policiais o tempo todo por conhecer muita gente considerada "importante".

As cenas na cadeira elétrica são sem dúvida as mais chocantes do filme, e ai é onde se encontra um assunto que precisa se debatido na nossa sociedade. Até que ponto alguém merece ser condenado a morte? E quantos dos condenados na vida real não foram injustiçados como John? É um tema muito delicado. Por muito tempo fui a favor e era do time do "bandido bom é bandido morto", hoje, por diversos fatores, penso diferente.

No filme, apesar de toda a situação, a história é linda e acaba sendo uma lição de vida. John é uma pessoa muito pura, e ele só quer ajudar no que pode sempre, e com o seu jeito acaba conquistando os guardas, menos Percy, claro, mas ele teve um fim justo, que deixa quem assiste o longa satisfeito.

Confira o trailer:

7 de abr de 2017

BLOGAGEM COLETIVA - PÁSCOA

O grupo Blogueira Iniciantes do Facebook, organizou uma blogagem coletiva, onde cada blogueira deve fazer um post com a temática Páscoa.

Decidi indicar filmes com a temática ou que tem relação com a data.

HOP - Rebeldes sem Páscoa

imagem: Profe Ivete
Junior (Russell Brand) é um coelho que adora tocar bateria e sonha em fazer sucesso com a música, mas seu pai (Hugh Laurie) deseja que ele dê continuidade à tradição de tornar-se o Coelho da Páscoa, seguida há quatro mil anos. Ele tenta convencer o pai de seu sonho, mas ele não lhe dá ouvidos. Desta forma, Junior parte para Hollywood, onde acredita que poderá enfim se tornar um grande astro. Ao chegar ele é quase atropelado por Fred Lebre (James Marsden), um jovem que tem sido pressionado pela família para que enfim consiga um emprego. Após a surpresa inicial por encontrar um coelho falante, Fred aceita levá-lo até a mansão que está cuidando, enquanto o dono está viajando. Lá eles se tornam amigos, com Fred ajudando Junior a conseguir espaço no cenário musical. Enquanto isso, o pai de Junior envia as boinas rosas no encalço do filho, sem perceber que uma conspiração está sendo organizada contra si. 

A Origem dos Guardiões

imagem: Vortex Cultural
As crianças do mundo inteiro são protegidas por um seleto grupo de guardiões: Papai Noel, Fada do Dente, Coelho da Páscoa e Sandman. São eles que garantem a inocência e as lendas infantis. Mas um espírito maligno, o Breu, pretende transformar todos os sonhos em pesadelo, despertando medo em todas as crianças. Para combater este adversário poderoso, a Lua designa um novo guardião para ajudar o grupo: Jack Frost, um garotinho invisível que controla o inverno. Sem conhecer sua própria vocação de guardião, ele embarca em uma aventura na qual vai descobrir tanto sobre as crianças quanto sobre seu próprio passado. 







A Fantástica Fábrica de Chocolate

imagem: Wikipedia
Willy Wonka (Johnny Depp) é o excêntrico dono da maior fábrica de doces do planeta, que decide realizar um concurso mundial para escolher um herdeiro para seu império. Cinco crianças de sorte, entre elas Charlie Bucket (Freddie Highmore), encontram um convite dourado em barras de chocolate Wonka e com isso ganham uma visita guiada pela lendária fábrica de chocolate, que não era visitada por ninguém há 15 anos. Encantado com as maravilhas da fábrica, Charlie fica cada vez mais fascinado com a visita. 

2 de abr de 2017

OPINIÃO - NA NATUREZA SELVAGEM

imagem: Wikipedia
Filme: Na Natureza Selvagem
Ano: 2008
Gênero: Aventura, Drama
Duração: 2h27min
Elenco: Emile Hirsch, Marcia Gay Harden, William Hurt, Jena Malone, Brian Dierker, Catherine Keener, Vince Vaughn, Kristen Stewart
Direção: Sean Penn

Sinopse: Início da década de 90. Christopher McCandless (Emile Hirsch) é um jovem recém-formado, que decide viajar sem rumo pelos Estados Unidos em busca da liberdade. Durante sua jornada pela Dakota do Sul, Arizona e Califórnia ele conhece pessoas que mudam sua vida, assim como sua presença também modifica as delas. Até que, após dois anos na estrada, Christopher decide fazer a maior das viagens e partir rumo ao Alasca.

imagem: Sétima Cena

Opinião: O filme Into The Wild (Na Natureza Selvagem) é muito mais do que a história de um jovem recém formado que decide viajar sem rumo. É uma lição de vida.

Christopher tinha uma vida relativamente normal, mas ele não estava nem um pouco satisfeito com aquilo ali, como sua irmão narra em uma cena do filme, ele sempre teve um espírito aventureiro.

Os lugares pelos quais o personagem passa são de uma beleza única, e mostram como a natureza é linda, e nós acabamos esquecendo isso. Christopher, que agora se identifica como "Alexander Supertramp", passa por algumas situações bem complicadas, mas a maior parte de sua viajem é linda, cheia de pessoas especiais e muito aprendizado. 

Dos personagens que eu mais gostei estão o casal Rainey e Jan, eles acolhem Alex como se fosse um filho, tanto que ele encontra o casal pela segunda vez no capítulo chamado "Família". Outro personagem que me chamou a atenção foi o Ron Franz, um senhor que vive sozinho, a relação dele com Alex, apesar de muito breve, é muito envolvente.

A trilha sonora do filme é um espetáculo à parte. Eddie Vedder, vocalista da banda Pearl Jam, foi quem compôs a maior parte das músicas do filme.

O grande objetivo de Alex é chegar ao Alasca, o que ele consegue, e lá ele encontra o "ônibus mágico". Infelizmente Alex não sobrevive à sua aventura e nunca retorna para casa. Mas mesmo a morte do personagem tem um sentido diferente, ele morreu fazendo o que queria, sendo livre de todos os vícios da sociedade, ele atingiu a liberdade que ele tanto queria.

"A felicidade só é verdadeira quando compartilhada."

Filme completo dublado aqui.

Confira o trailer.